Um jeito simples de gerenciar propostas comerciais

Um jeito simples de gerenciar propostas comerciais

23 de janeiro de 2020 Off Por Aula de Gestão

Você já adotou um jeito simples de gerenciar propostas comerciais na sua empresa?

Muita gente vai responder que sim. Mas será mesmo?

Envio de propostas e orçamentos por e-mail em 1 minuto

A maioria gerencia propostas comerciais assim

Em diferentes ramos de atividade e porte de empresas já vimos que por mais cuidadoso que seja o processo de venda, sempre falta algo.

Como o foco desse artigo é falar sobre um jeito simples de gerenciar propostas comerciais, vamos nos concentrar no tema.

Imaginemos uma empresa que vende serviços de instalação de PABX (telefonia).

Agora imaginemos que um cliente entre em contato e depois de algumas tratativas o vendedor vai enviar uma proposta comercial padrão pra ele.

Em muitos casos o vendedor investe um bom tempo (em alguns casos horas) pra elaborar a proposta no word e excel pra finalmente enviar ao cliente.

Note que até aqui estamos falando de uma proposta comercial padrão.

O vendedor envia a proposta por e-mail para o cliente (em anexo).

Bem, neste ponto já temos uma cópia da proposta no computador do vendedor, outra no e-mail que ele usou pra enviar pro cliente.

E em alguns casos, uma cópia do arquivo word da proposta fica armazenado em um servidor onde pode ser acessado por outro profissionais.

Se o cliente pede para reenviar, o vendedor acessa o arquivo, anexo ao e-mail e faz o envio.

Se o vendedor não está na empresa, alguém procura pela informação, tenta descobrir o que houve com a proposta antes daquele momento e finalmente envia novamente.

O jeito simples de gerenciar propostas é assim

Por sorte, muitas empresas já tem processos de trabalho bem definidos que facilitam, e muito, o trabalho dos vendedores.

Fazendo uso de um software de CRM se possível integrado com um bom ERP. A coisa funciona de maneira muito mais ágil.

Consideremos o mesmo exemplo usado acima.

Com um software de gestão de venda implantado de acordo com as necessidades do negócio o processo ficaria simples assim:

O vendedor entra no sistema e rapidamente cadastra os dados preliminares do cliente.

Depois ele cria uma proposta/orçamento listando todos os produtos e serviços que envolvem aquela negociação.

De dentro do próprio sistema o vendedor faz o envio da proposta em PDF para o e-mail cadastrado do cliente.

Nos bastidores o sistema já registra que uma cópia daquela proposta foi enviada pelo vendedor no dia e hora tal.

Imaginemos que dias depois o cliente entre em contato solicitando uma cópia da proposta enviada.

O vendedor não está mas outra pessoa da equipe acessa o sistema e imediatamente consegue verificar quais as propostas foram geradas para aquele cliente, e ao simples clicar de um botão, envia uma nova cópia da proposta para o cliente.

Novamente neste momento o sistema registra que o usuário fez o envio de uma cópia daquela proposta neste novo momento.

Tudo isso de maneira simples e rápida.

Note que a medida em que o sistema de gestão de vendas vai sendo usado pelos diferentes departamentos da empresa, vai criando um histórico sobre o atendimento do cliente.

E com esse histórico em mãos, numa eventual falta do vendedor, é possível dar continuidade ao atendimento do cliente com respostas rápidas e objetivas.

O que procurar em um sistema de gestão de vendas?

Se a ideia é otimizar os processos na área comercial com uso de softwares especializados, o sistema precisa ter as seguintes características:

  • Cadastro de prospects
  • Cadastro de clientes
  • Agenda dos vendedores
  • Gerador de propostas e orçamentos
  • Gerador de pedidos
  • Envio de e-mail de propostas, orçamentos e pedidos
  • Controle de followup

Claro que essas sãos as características básicas que obrigatoriamente um bom sistema de gestão de vendas deve ter. Mas dependendo da complexidade do seu negócio, é preciso muito mais.

Recomendo dar uma olhada nos sistemas da inSySti e claro, fazer uma boa pesquisa pra encontrar a melhor solução para o seu negócio.